21 de outubro de 2009

Liga dos Campeões: jogos de quarta-feira

O primeiro turno da fase de grupos da Champions League foi encerrado nesta quarta-feira com mais oito jogos.

Pelo Grupo A, o Bordeaux conseguiu fundamental vitória sobre o Bayern de Munique por 2 x 1, jogando na França. O zagueiro Ciani foi o protagonista: marcou o gol contra que deu a vantagem ao time alemão, mas ele mesmo empatou a partida, num belo gol de letra. Vale a lembrança que, na rodada passada, o Bordeaux fez 1 x 0 sobre o Maccabi Haifa, com gol de Ciani.
Ainda no primeiro tempo, o outro zagueiro do time, Planus, decretou o placar final e a liderança do grupo aos girondinos.

Na outra partida, o Maccabi Haifa visitou a Juventus e, novamente, perdeu por 1 x 0. O gol da vecchia signora foi marcado pelo zagueiro Chiellini, logo no ínicio do segundo tempo.

Interessante notar que, ainda que não tenha pontuado, o Maccabi Haifa vendeu caro suas três derrotas, pois, mesmo tendo tomado de 3 x 0 do Bayern, os dois últimos gols saíram dos 40 do segundo tempo em diante.


No Grupo B, num jogo quase insuportável, o CSKA Moscou foi derrotado em casa pelo Manchester United por 1 x 0, gol do equatoriano Valencia, aos 41 minutos do 2º tempo. Não é demérito algum perder para o Manchester; demérito é fazer a partida covarde que fez o time de Juande Ramos.

No outro duelo, o Wolfsburg perdeu a chance de dar um grande passo rumo a sua classificação, ao empatar sem gols com o Besiktas, jogando na Alemanha. Como o Wolfsburg ainda visita Besiktas e CSKA e recebe o Man Utd, corre sérios riscos. Destaque para a expulsão de Grafite.


Pelo Grupo C, o grande jogo de toda a rodada.
O Real Madrid recebeu o Milan e saiu na frente com Raúl, num lance que deu pena da falha de Dida. É triste ver um dos grandes goleiros brasileiros dos últimos 10 anos tendo um fim tão indigno. E o primeiro terminou com o placar de 1 x 0.

Na segunda etapa, o Milan seguia muito mal, mas como o Real Madrid também não fazia grande coisa, conseguiu achar o gol de empate com um chute de Pirlo, uma bomba de fora da área. Minutos depois, a virada milanista: num lançamento primoroso de Ambrosini (!!), Casillas saiu mal do gol e Alexandre Pato concluiu para a meta vazia. Era um resultado quase inusitado, visto a péssima partida que fazia os rossoneri.

O holandês Drenthe entrou logo em seguida em campo, no lugar de Granero. E empatou o jogo aos 31 minutos, num chute de fora da área.

Faltando dois minutos para o fim, um passe genial de Seedorf deixou Pato em condições de recolocar o Milan em vantagem, e o brasileiro não desperdiçou, finalizando de primeira, no canto esquerdo de Casillas.

É complicado dizer que uma vitória do Milan em Liga dos Campeões seja uma zebra, mas que não eram favoritos nessa noite, isso não eram.
Pelo Real Madrid, destaque negativo para Kaká, que, mais uma vez, não jogou bem com a camisa do Real. Começa a preocupar.

Na outra partida, o Olympique de Marseille visitou o Zürich e venceu por 1 x 0, gol de Heinze.


No Grupo D, o Chelsea goleou um combalido Atlético de Madrid: 4 x 0, gols de Kalou (2x), Lampard e Perea, contra. Abel Resino não deve durar muitos dias no comando dos colchoneros.

Na outra partida, vitória do Porto por 2 x 1 sobre o APOEL Nicósia, em Portugal. Álvaro Pereira, contra (epidemia?), marcou para o APOEL, mas o brasileiro Hulk, duas vezes, virou o jogo para os portugueses.

Improvável que não se classifiquem Chelsea e Porto.


Números da terceira rodada:
Gols - 49 (média de 3.06 por partida)
Vitória dos mandantes - 5
Vitórias dos visitantes - 8
Empates - 3
Jogo com mais gols - Debrecen 3 x 4 Fiorentina
Artilheiros da rodada - Alexandre Pato, Kalou, Hulk e Squillaci

Artilheiros:
Cristiano Ronaldo(Real Madrid) - 4
Grafite(Wolfsburg) - 3


* Clique sobre os grupos para ver as fichas das partidas e classificação

post scriptum: Seis gols contra em dezesseis jogos. Só no jogo Rangers x Unirea foram três.


LC Asiática:
O Pohang Steelers, da Coreia do Sul, fez 2 x 0 no Umm-Salal, do Catar, na partida da ida das semifinais. Semana que vem o jogo de volta, no Catar.

Na outra partida, surpreendente goleada do Al Ittihad, da Arábia Saudita, sobre o Nagoya Grampus, do Japão: 6 x 2, resultado praticamente irreversível, também na semana que vem, no Japão.

10 comentários:

Gremista Fanático disse...

Vou acompanhar sim parcero. Pow cara que coisa incrivel essa rodada, a rodada dos visitantes, acho que agora depois das derrotas de Barcelona e Real Madrid só mesmo o Grêmio no mundo todo não perdeu jogando em casa nessa temporada, rsrs. abraço.

Saudações do Gremista Fanático

Cadê Meu Camisa 10? disse...

Pô André, ontem fiquei vendo o terceiro gol do Milan umas dez vezes, o passe do Seedorf foi totalmente magistral, coisa de gênio... Ontem você falou de como subvalorizado é o Benayoun, mas vale dizer que o Seedorf não tem metade do prestígio que merece..

Abs.. http://cademeucamisa10.com

Carlos Henrique Pereira disse...

Valeu pela visita e vou indicar o seu blog tb. Gostei do detalhamento da rodada da Champions.

Torço para que Alexandre Pato engrene de vez e seja mais uma boa opção para o Brasil na Copa do ano que vem.

Abraço,

Visitem:
http://blogcraquesdebola.blogspot.com

Flávio Santos disse...

André,

A vitória do Milan pode marcar o início de uma nova trajetória da equipe este ano... o Pato fez a diferença e decidiu o jogo!
Já o Real Madrid não justificou em nada o rótulo de "galático"... foi uma decepção... o Kaká não parecia em nada o que era no futebol italiano...
Certamente veremos surpresas na Liga!
Abraços

Rodrigo Gomides disse...

Ótima rodada da Liga. É sempre bom ver equipes de maior expressão passando dificuldades, isso deixa a competição cada vez mais disputada. Destaque para a virada do Milan...

Lucho Cláudio disse...

Rodada muito fraca! A competição só fica boa de se assistir após as quartas-de-finais.. mas claro que sempre pode-se pescar um bom jogo, igual ao ocorrido ontem.


Se o Kaká estivesse jogando metade do que o "Cris" está, seu então alto rendimento ia ser citado pelo Galvão em todas as transmissões, mas como o "príncipe" Ricardo não jogou bem NENHUMA PARTIDA e só fez gol de pênalti (pq o CR permitiu), o ei Galvão vai t... não fala nada e finge desconhecer o baixo rendimento apresentado por ele até aqui.

KAKA PIPOCANDO RONALDO BRILHANDO!

Lucho Cláudio disse...

Tua popularidade anda alta viu!? Menos de uma hora depois da publicação do post e já tem 6 comentários... as minhas postagens demoram dois dias pra ter dois comentário! jeje


Acredita que escalei o Dida no fantasy?! AH! MENTIRA... escrevi isso só pra deixar vc mais alegre. HAHA

Eduardo Costa disse...

Cara não sei se vai concoirdar comigo, mas vc não acha uma bobagem o que a nossa imprnsa ta fazendo, pedindo a convocação do Ronaldinho Gaúcho pra seleção, só pq fez um partida razoavel no classico Real x Milan.
Abraço

Garota do Futebol disse...

Só posso dizer que adooooooooro futebol europeu. Acho a Liga dos Campeões de alta qualidade e tals... Sempre lembrando que o futebas europeu é cheio de brasileiros né =)

Beijos!

Futebol ao Cubo disse...

Gremista,
Haha, cara, apesar das risadas, o que você falou é uma grande verdade: se fizessem uma lista dos 10 times mais fortes como mandantes no mundo inteiro, o Grêmio faria parte tranquilo. Historicamente talvez não, mas atualmente com certeza.

Thiago,
Sem dúvidas! O cara tem "só" quatro Liga dos Campeões, e por três times diferentes. Sou fã do Seedorf.

Carlos Henrique,
Valeu, cara!!
Eu torço pelo Pato também, mas infelizmente pra Copa eu acho quase impossível, o Dunga valoriza de mais o que o jogador faz na seleção, e o Pato não foi bem nas chances que teve, ao contrário do Nilmar.

Flávio,
Pois é, o Milan já vem de vitórias sobre Roma e Real Madrid. O problema são os três próximos jogos (2 no Calcio e 1 na UCL), todos como visitante.
O mau desempenho do Kaká vinha desde a época do Milan já, mas era encoberto pela má fase do time, era mais fácil dizer: "Nem o Kaká joga bem nesse Milan" do que criticá-lo. Não há desculpas agora no Real, e ele não vem jogando nada.

Rodrigo,
Com certeza, e muito disso se deve a mudança na fórmula de classificação pra fase de grupos, dando mais chances a equipes menores e campeãs de seus países de participarem.

Lucho,
Verdade, cara, é incrível como há um medo de se criticar o Kaká no Brasil, como se isso fosse dizer que ele não é craque. Ele não vive bom momento há meses, e até agora tá nítido que o Kaká não consegue ser decisivo tal qual seria o C.Ronaldo sem o Kaká.

Hahaha, eu imagino a satisfação de quem realmente escalou o Dida no Fantasy. Aliás, quem faria isso? Só se for ele próprio...

Eduardo,
Olha, cara, eu sinceramente até ignoro o que vem da imprensa sensacionalista, pois a ela agrada fazer pressão, até lobby, pelo Ronaldinho, pois sabe que vende mil vezes mais ter um Ronaldinho do que um Júlio Baptista convocado. O Grafite joga bem há uns 18 meses e demoraram pra fazer pressão pra sua convocação; ao Ronaldinho basta dois jogos pra isso acontecer.

Garota do Futebol,
E bota cheio de brasileiros nisso! São só quatro times dos trinta e dois que não contam com brasileiros (Fiorentina, Zürich, Rubin Kazan e Rangers).


Abraços a todos!