18 de fevereiro de 2010

Liga dos Campeões: Porto e Bayern largam na frente

No segundo dia das oitavas-de-final da UEFA Champions League, os mandantes fizeram a sua parte e abrem pequena vantagem para o jogo de volta.

Jogando em casa, o Bayern de Munique recebeu a Fiorentina e fez 2 x 1. Aos 47 minutos do primeiro tempo, Per Kroldrup derrubou Franck Ribéry na área; a bola sobrou para Mario Gomez fazer o gol, mas o árbitro Tom Henning Ovrebo marcou o pênalti antes. Na cobrança, Arjen Robben levou o Bayern em vantagem pra segunda etapa.

Segundo tempo este que viu a Fiorentina empatar logo no começo: aos 5 minutos, Marco Marchionni cobrou escanteio da direita, a bola bateu em Stevan Jovetic e sobrou para o mesmo Kroldrup empatar a partida.

Porém, o Bayern virou a partida com um daqueles gols que nos faz ter nojo de futebol por alguns minutos. Em um dos impedimentos mais ridículos que a Champions League já presenciou, Miroslav Klose recebeu bola de Ivica Olic e fez o segundo gol bávaro, aos 44 minutos. O lance foi tão escandaloso que o árbitro até poderia chamar a responsabilidade pra si, estava em boa posição para isso. Vale lembrar que o Ovrebo é o mesmo mocinho que tirou o Chelsea da final da LC passada, ao deixar de marcar, no mínimo, dois pênaltis contra o Barcelona, em Stamford Bridge.

Apesar da derrota, a Fiorentina surpreendeu, pois atravessa péssima fase no Calcio, enquanto o Bayern vem de longa invencibilidade na Bundesliga.

Na outra partida do dia, o remendado Arsenal foi derrotado pelo Porto por 2 x 1, com um gol polêmico também, ainda que, teoricamente, tenha sido regular.

O português Varela, aos 11 minutos, foi até a linha de fundo pelo flanco direito e cruzou; Lukasz Fabianski, substituto do titular Manuel Almunia, fez uma bizarrice inacreditável, tentando pegar a bola e colocando dentro do próprio gol. Com todo respeito ao ser humano Fabianski, mas não é goleiro pra um time que almeja ser campeão de algo importante na temporada, suas recentes falhas contra Stoke City e Chelsea parecem de um jogador de linha no gol.

Poucos minutos depois, após cobrança de escanteio da esquerda, Tomas Rosicky escorou para o zagueiro Sol Campbell, de surpreendente boa partida, empatar.

O gol da vitória portista veio aos seis minutos do segundo tempo, num lance complicado: Campbell recuou e Fabianski pegou a bola com a mão, sendo marcada a falta pelo sueco Martin Hansson (o mesmo árbitro de França x Irlanda, da famosa mão do Henry). Fabianski está com a bola nas mãos, e Hansson a pede. O polonês entrega a bola e caminha de costas para o gol, enquanto Rúben Micael recebe a bola do árbitro e bate rápido pra Falcao García marcar o segundo gol.
Na opinião deste humilde blogueiro, o gol é irregular, pois não é justo o árbitro agir como se fosse um jogador do Porto, pedindo a bola ao goleiro dos Gunners e entregando rapidamente para Rúben Micael cobrar. Porém, como não há nada na regra que diga que falta em dois lances dentro da área tenha que esperar montar-se a barreira, tecnicamente o gol foi legal.

Os dois jogos de volta acontecem no dia 09 de março, nos estádios Artemio Franchi e Emirates Stadium, respectivamente.

Jogos da próxima semana:

23/02 - Stuttgart x Barcelona e Olympiacos x Bordeaux
24/02 - CSKA Moscou x Sevilla e Inter de Milão x Chelsea

Blog das 8as-de-final, com data dos jogos e ficha das partidas:
http://futebolaocuboucloitavas.blogspot.com/.

3 comentários:

Cadê Meu Camisa 10? disse...

Sobre o jogo do Bayern foi o que vc disse André, Vergonhoso!!

O pior de tudo é que esse gol classificará o Bayern com certeza, caso contrário, a Viola conseguiria a vitória simples em Florença..

Sobre o jogo no estádio do Dragão, fica complicado dizer, o juíz também não poderia ter certeza de que o jogador iria cobrar rápido, acho que o erro está no zagueiro que não estva atento a subida de Falcão Garcia...

Abs,
Cadê Meu Camisa 10?

Fernando Gonzaga disse...

O Bayern precisou daquela mão do juíz pra vencer sua partida, que escândalo esse gol hein...

o Arsenal pode buscar um goleiro urgente, porque com este trapalhão aí, não vai a lugar algum...

abraço!!

Maldita Futebol Clube disse...

Inacreditavel goleiro do Arsenal, burro, frangueiro e otário! rs e o que o hélton agarrou hein? abs,leandro